CICLOS

EQUIPE ARTÍSTICA E TÉCNICA

Idealização e atuação: Rita Maia

Direção: Juliana Pautilla

Dramaturgia: Rita Maia e Juliana Pautilla

Figurino e cenografia: Camila Morena

Investigação corporal: Lucas Medeiros

Iluminação: Marina Arthuzzi

Operação de luz: Denner Moisés

Criação sonora: Daniel Nunes

Atuação Sonora: Lucas Morais

Criação Gráfica: Douglas Din / Produção: Patrícia Ferreira

Assessoria de imprensa: Val Prochnow

Produção audiovisual: Mirela Persichini

 

 

ciclos 4.jpg
ciclos 1.jpg
ciclos 3.jpg
ciclos 2.jpg

Ciclos reflete sobre questões da condição feminina no contemporâneo. Partindo de uma vivência pessoal o trabalho abraça o universal, problematizando a questão da perda no processo de maternidade. O solo, que tem duração de cerca de 50 minutos, coloca a atriz no centro da cena para evocar questões como a passagem do tempo, a emancipação em tempos de feminismo em pauta, o amor materno, a falta de lugar social para a perda.

 

Formalmente no espetáculo, corpo, palavra e som são uma via poética, para borrar os juízos de adequação sobre consensos do biológicos (vida) e da linguagem (arte).  Das palavras foi criada a concepção sonora da peça que parte da captação sonora dos sons corporais da atriz para, ora recriar vozes e ficções daquilo que podemos imaginar passar dentro, ora ampliar essa voz social e poeticamente. Um corpo em ciclos que age e espera na certeza de uma existência imanente, pulsante, impermanente, viva.

 

Link para crítica (Horizontes da Cena / Eder Rodrigues)

Link para crítica (2toques / Luciana Romagnolli)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

HISTÓRICO

mai e jun, 2018 - Estreia com temporada de 21 apresentações Galpão Cine Horto (BH, MG)

nov, 2018 - Curta temporada com 3 apresentações no Cine Horto/BH (BH, MG)

jan, 2019 - 45ª Campanha de Popularização do Teatro e Dança / FUNARTE (BH, MG)

fev, 2019 -  45ª Campanha de Popularização do Teatro e Dança (Sete Lagoas, MG)

mai, jun 2020 - Circulação nas Regionais de BH (Fundo Municipal de Incentivo)